Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

Desmistificando Pirenópolis

18.04.19, Rodrih
Depois de um sono relativamente bom na própria cama, o saldo do passeio de dois dias em Pirenópolis-GO, pessoalmente, não foi tão positivo quanto o esperado. Há uma exploração explícita ao turista com preços altíssimos tanto nas lembranças, quanto na culinária de restaurantes do tipo self-service ou aqueles mais "turísticos". Algumas cachoeiras cobram quase o valor de uma diária de uma boa pousada, como a do Abade, que dá desânimo de ir visitá-la, pois a estrada é muito (...)

A bolha dos Ultrajovens

11.03.19, Rodrih
Publicado por  Daniel Scott em  14/06/2018 Há alguns dias, a revista Época publicou uma edição que viralizou nas redes sociais. Centrando no tema dos ultrajovens, o grande destaque foi a capa criativa. Apesar de terem feito um bom trabalho com a ilustração, o artigo em destaque não foi à altura. Mas traz pontos interessantes, a partir dos quais é possível fazer algumas reflexões: Enq (...)

E-mail de Simone Ramos à TV Rede Globo

21.02.19, Rodrih
VALEU, SIMONE RAMOS. FALOU POR TODOS NÓS !!! Email de Simone Ramos à Rede Globo de televisão e enviado através do site deles. "Boa tarde, Rede Globo. Não é com satisfação que envio esta mensagem, pois esta empresa esteve presente na minha vida desde a infância, e por muitos anos foi, para mim e todos ao meu redor, referência de jornalismo sério, comprometido e imparcial.  Ocorre que, ser pensante que sou, não poderia deixar de notar o teor grosseiramente tendencioso com o que (...)

Estela Borges Morato x Marighela, o psicopata

21.02.19, Rodrih
"O homem enfrentando suas dificuldades pode mostrar que é homem, aceitando o desafio. As dificuldades serão superadas e a vida valerá a pena ser vivida. Afinal, já conquistamos a Lua." (Estela Borges Morato) Estela Borges Morato (1947-1969) foi talvez uma das primeiras mulheres concursadas a ingressar no serviço público brasileiro. Durante uma emboscada para prender o subversivo Marighella – na Alameda Casa Branca, próximo ao Centro da capital paulista –, o delegado Fleury deu (...)

e-Commerce x Comércio Real

21.02.19, Rodrih
Troquei o e-commerce pelo comércio real. Desde que entrei no EDZ (E-commerce do Zero) empolgado com a prosperidade do "guru" neste assunto, fui tomado do sentimento de que eu também seria capaz de enriquecer com o e-commerce. Fiz até a 5ª lição, sempre desatualizada, quando fui percebendo a realidade das coisas, a malícia da propaganda e a maldade também. Tomado por minha insistente teimosia de formar opiniões, me tornei crítico de mim mesmo e, consequentemente, de tudo à minha (...)

O poder da comunicação

04.02.19, Rodrih
Anedota da Experiência - Por mim. O poder da comunicação Estava há pouco num elevador. Um breve "olá" e já dentro estavam duas pessoas que murmuraram um cumprimento asmático. Fiquei entre a mulher e um rapaz. Apertei meu destino, 2º andar, no painel com destinos marcados para o 8º e 10º. Mal o caixote tomou impulso em sua majestosa lerdeza e um oxigênio abafado ali, falei: "Que calor absurdo é esse?!" olhando para o cidadão ao meu lado, mais receptivo que a mulher - que não (...)

Misoginia versus Feminicídio

25.01.19, Rodrih
Prezado Rodrigo, bom dia O que pensar do homem misógino em relação ao número de assassinato de mulheres (feminicídio)? O que você poderia refletir, segundo suas observações? Obrigada. Fernanda Caetano a 25 de Janeiro de 2019 às 06:37   Olá, Rodrigo!  Com tantos fatos envolvendo pessoas (homens e mulheres) em misoginia, procurei algo a respeito, buscando conhecer melhor o termo misoginia. Para mim, uma coisa leva à outra (misoginia pode levar ao feminicídio). Achei muito (...)

A Redenção

23.12.18, Rodrih
Há exatos 10 anos minha vida havia sido estraçalhada, foram 10 anos carregando e suportando um fardo muito pesado e extremamente cansativo. Coincidentemente, no mesmo dia que, há dez anos, parei de sorrir por amor, entrou em minha vida uma pequena criatura que tem trazido um descanso desse peso inconcebível.  No dia 18 de dezembro de 2008 minha vida parou como um reboque pára abruptamente. No dia 18 de dezembro de 2018 minha vida recomeça o tic-tac de um velho e cansado relógio,  (...)