Nossos dias estão carregados de emoções que, muitas vezes, somos iludidos de que estamos progredindo, fazendo algo, quando na verdade nem saímos do lugar. Quando estamos vivendo o dia-a-dia e precisamos ter o cérebro funcionando para que tenhamos forças de tocar os projetos, o trabalho e os estudos estamos clamando por um lugar pacífico, silencioso, entediante e morno para nos perdermos nessa paz. E daí vem a oportunidade de viver a paz tanto desejada num lugar pacífico, silencioso, entediante e morno, mas a mente é ativada e ficamos projetando decisões, sentindo medo do futuro, esquematizando soluções, raciocinando e fazendo promessas de mudança de vida que nunca serão cumpridas - ao invés de simplesmente descansar e se perder na energia clean do momento. Então montei um projeto para que todos nós possamos ter uma nova experiência em 2017, vivendo com mais consciência em 2016, bem diferente do ano atribulado de 2015 e demais passados. Lancei para muitas pessoas amigas no Whatsapp e o feedback foi sensacional. 98% dessas pessoas se mostraram ávidas para entrar no projeto e começar uma nova experiência pessoal, em que não haverá concorrência, senão dela consigo mesma. E expliquei numa introdução aqui no blog sobre como isso funcionaria. Não demorou muito comecei a receber não somente mensagens dessas pessoas pedindo melhor orientação de como fazer certo, como também alguns emails de pessoas que seguem o que escrevo. E venho elucidar o conceito de METAS segundo o meu projeto. Não estou preocupado com o real conceito acadêmico da coisa toda, mas em criar um modelo conceitual para que possamos ser felizes, e o resto que se fôda adapte gradativamente. Bom, vamos lá. Hoje são 05 de Janeiro de 2016. Considere que hoje é o último dia para você montar duas metas para sua vida, e têm que ser metas pontuais, ou seja, que são realizáveis segundo a sua ação direta. Não poderá existir duas ou mais metas para o mês, nem duas ou mais metas para o ano. Deverá ser APENAS UMA META para o mês e APENAS UMA META para o ano. Mas Rodrigo Caldeira, tenho muitas metas! Ok, você escolherá dentre elas aquela que lhe poderá ser a mais realizável num curto período de tempo. E elencar para ser a meta do ano aquela que é imensamente foda difícil de conseguir alcançar por sua ação direta. Mas Rodrigo, eu tenho como meta para o mês de janeiro fazer meu TCC (monografia)! Ok, mas isso é vago, e digo o porquê: Sua monografia não será concluída em 100% no mês de janeiro, talvez o prazo para a entraga desse trabalho de conclusão de curso seja para meados do ano, então você teria que comer o pão que o diabo amassou para concluir em 100% sua monografia. O que você poderá fazer é ver quando será o prazo de entrega e apresentação desse trabalho. Supondo que seja em Agosto deste ano. Você então fará disso a sua meta anual. Pegará as normas da ABNT e elencará quais são os passos da elaboração e montagem do TCC. Supondo que sejam 24 pontos de estudos (introdução, resumo, dedicatória, agradecimentos, defesa etc), divida pela quantidade de meses que faltam para o prazo, ou seja, estamos em janeiro, dia 05, temos 23 dividido por 8 (de janeiro a agosto), que dará 3 pontos de estudos por mês. Então você terá além de sua meta mensal, também a 1/8 (um oito avos) da sua meta anual. Não obstante, você terá OBJETIVOS ACESSÓRIOS, que são aqueles que surgem durante o mês, como trocar o toner da impressora, consertar uma roupa, ir ao dentista etc. Também terá os OBJETIVOS OPERACIONAIS, que são os de tomar banho, fazer uma atividade física (caso já esteja fazendo de costume), se alimentar, dormir etc. Não podemos esquecer que existirão os DESAFIOS, que são aquelas atitudes que nos comprometemos em fazer, mas que são chatas pra caramba, como ter que ir buscar um parente no aeroporto em tal dia, pois ele não tem a coragem de chamar um táxi, pedindo a você por antecedência que vá buscá-lo, tipo isso. E para tudo isso você precisa manter o foco, ter consciência e realizar cada etapa. Como disse na postagem anterior, FOCO é não perder a atenção do que está fazendo e pelo o que se faz. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, muito embora estejam relacionadas. DESAFIO é aquilo que você não consegue fazer ou evita fazer porque demandará uma carga de energia emocional para realizar.OBJETIVO é o que você precisa fazer diariamente. Ah, Rodrigo, mas minha meta anual é passar num concurso público! Ok, mas isso é vago, porque passar numa prova de conhecimentos como vestibular e concurso não depende da sua ação direta sobre esse objeto, pois você pode não passar, e aí? Uma coisa é fazer algo pontual, como por exemplo estudar as matérias para o concurso, mês a mês. Pega-se a data de quando será aplicado o exame e faz a mesma coisa que o exemplo do TCC, isto é, em janeiro estudará matemática e raciocínio lógico, que serão a meta desse mês. Já em fevereiro a meta será estudar direito administrativo e constitucional, e a matemática com o raciocínio lógico passam a ser OBJETIVOS ACESSÓRIOS, que significa que você não vai parar de estudá-los, mas entende que estudará com mais FOCO a META do MÊS vigente. E o DESAFIO será estar estudando direito administrativo e constitucional como objetivo acessório, matemática e raciocínio lógico como objetivo operacional, além das coisas que você precisa fazer no dia-a-dia. E olha que você faz uma salada na sua vida todo ano sem saber onde está a ponta do fio nem o final. E esse projeto, isto é, essa experiência é para que você saiba mensurar seu tempo, seus objetivos e ir realizando mês a mês metas chatas, que só enchem o saco sua cabeça sem deixar você evoluir. Eu disse na mensagem pelo whatsapp sobre a minha meta para o mês de janeiro: Já que o mês de janeiro é um tanto quanto parado, escolhi uma meta simples, coerente e realizável, não sacrificante, que será instalar uma cortina de blackout no meu quarto, porque meu sono está sendo sofrido com a luz do dia no horário de verão. Outros acontecimentos proverão de decisões diárias para objetivos corriqueiros (objetivos acessórios e operacionais), mas impreterivelmente no dia 31/01/16 eu TEREI que HONRAR a meta do mês de janeiro! Isso me dará muito mais qualidade de vida no mês de fevereiro, quando poderei pontuar uma nova meta até o dia 05/02, sem esquecer que tenho a meta de janeiro, que se tornará objetivo acessório, além de uma fração da meta do ano. Qualquer dúvida façam suas perguntas em comentário, logo abaixo, e vamos alinhar as ideias nesse projeto. Lembrando que quem entrar no projeto deverá entender que 2016 é um ano APENAS para plantar. E o que foi plantado em 2016 será gostosamente colhido em 2017. Então quem se habilita?

Publicado por Rodrih às 09:03 | Link do post

anonovo.jpg

 

 Você realmente leu o que está escrito na imagem acima? O que interpretou? Muitas pessoas fizeram interpretações errôneas para o objetivo da mensagem. Uma certa preguiça de pensar ou um não querer falar sobre isso logo no primeiro momento do novo ano. Mas a interpretação é que para ter alegria em 2017 você terá que começar a fazer escolhas certas a partir de agora. Só tem que tomar decisões bem pensadas e sem pressa. 2015 foi o ano que se viveu sem entender o seu valor, por isso foi atribulado. Já 2016 será o ano de plantar, não de colher. Como foi dito na mensagem daquela imagem,  2016 será o ano de plantar, não de colher, e só vou tomar decisões bem pensadas e sem pressa.São só e somente só duas metas : uma no mês e uma no ano. Mas a meta mesmo deverá ser uma apenas para o mês de janeiro. Mas tem até amanhã para determinar a sua meta do mês de janeiro. Porque você terá mais tempo de realizar. Não adianta você fazer uma lista de metas, porque não são metas, são objetivos. Meta é outra coisa. Meta é compromisso obrigatório de ser realizado. Foco é não perder a atenção do que está fazendo e pelo o que se faz. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, muito embora estejam relacionadas. Desafio é aquilo que você não consegue fazer ou evita fazer porque demandará uma carga de energia emocional para realizar. Então a proposta é clara, isto é, você tem que estabelecer uma meta até o dia 03 (amanhã) para fazer acontecer uma coisa na sua vida no mês de janeiro, ou seja, até o dia 31 de janeiro esse objetivo terá que ser feito por completo. Será o seu desafio principal. Os desdobramentos durante o mês de janeiro serão vividos e pequenos objetivos realizados. Não quer dizer que você tem uma meta para o mês, e poderá esquecer do resto. Estará fazendo errado. Até porque a meta anual será parcelada em 12 vezes iguais. E isso significa que você tem que fazer 1/12 (um doze avos) da sua meta principal em janeiro também. Isso lhe tomará tempo, portanto precisa ter 1 (uma) meta mensal, para que o mês não fique entediante sem um foco pelo qual você se encoste em sua zona de conforto. Se a meta for comprar um carro, então se tem 12 parcelas de objetivos mensais para focar na economia da grana para a meta anual. E, não pode esquecer, que a cada mês terá 1 (uma) meta principal para aquele mês fazer acontecer o objetivo referente ao mês em questão. Dessa maneira você terá realizado 12 metas durante o ano de 2016 e mais 1 (uma) meta que justificará sua satisfação maior em 2017. Sendo assim, mãos à obra, porque você tem mais um dia para estipular a meta de janeiro de 2016. Mas se por acaso você leu este post depois do dia 4, e ainda tá viajando nas ideias da vida, se liga na proposta e monte a sua meta do mês de janeiro, mas entenda, deverá ser uma meta que você realize em 100% até o dia 31 deste mês. É isso. 2016 já não é mais ano novo. Estamos no dia 02 de janeiro, e isso significa que já passou um dia do ano, tornando-o velho, já que o dia de ontem agora é um passado do ano de 2016. Já 2017 é a bola da vez, é ano novo, novinho da Silva. A partir de hoje o ano de 2016 iniciou seu envelhecimento, com isso suas metas precisam ser estipuladas mês a mês, e uma meta anual também. Assim o velho ano de 2016 terá um novo sentido em sua vida para o ano novo de 2017. Se liga no propósito e simbora viver uma vida mais consciente.

Rodrigo Caldeira

Publicado por Rodrih às 08:12 | Link do post
Pontos vermelhos = acessos no mundo!
VISTO POR
fast stats
Get Voip Service
Comentários
EU ERA UM IDIOTA UTILEU ACHAVA Q TAVA LUTANDO CONT...
Estou assustada como não conhecemos a pessoa com q...
Oi Flaviana, obrigado por comentar e trazer uma ex...
ola rodrigo, me chamo Flaviana. li o seu blog e go...
obrigado por emanar energia suficiente para minha ...
Oi gente! Obrigada pelas dicas. Eu não penso em vo...
Drika, Drika, que situação! Estou conversando com ...
Rodrigo, voltei. Aqui é a Drika, aquela que bagunç...
Sim! Vida nova numa nova vida! Mas sem se autossab...
ERA O QUE EU PRECISAVA. ALGUMAS COISAS JÁ ESTAVA C...
Rodrigo Caldeira obrigada pelo texto incrível e es...
Vanessa Xavier, eu quem agradeço seu carinhoso com...
"Divindade, limpe em mim as memórias que estão cau...
Gostei cara! tirou a ideia de budismo . tencnca é ...
Oi Eliana, sou muito grato por tê-la no blog e pri...
Natanaela, obrigado por compartilhar aqui sua expe...
Prezado Rodrigo,Que texto maravilhoso e esplanador...
Oi bom dia. Me chamo Natanaela, sou brasileira, te...
rachei de rir....to com 43 anos e concordo com o t...
Esse texto expressou tudo o que eu sinto que eu nã...
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar
 
Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
SAPO Blogs