Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

...

15.07.10, Rodrih

Diálogo entre amigos:

 

Rei SalomãoPe. Fábio de MeloRodrigo Caldeira

Pra tudo há um tempo,
para cada coisa há um momento debaixo dos céus (Elesiastes 3:1)
Tem calma contigo mesmo e olha onde vais (Pe. Fábio de Melo)
Porque tudo se assenta,
se organiza por si só para o melhor, sempre. (mrv.Rodrigo)
Há o tempo para nascer, e tempo para morrer;
tempo para plantar,
e tempo para arrancar o que foi plantado (Eclesiastes 3:2)
Eu sei que é difícil esperar
Mas Deus tem um tempo pra agir e pra curar
Só é preciso confiar (Pe. Fábio de Melo)
Porque o melhor já terá sido feito, o manifesto
está registrado, agora é organizar o sentimento. (mrv.Rodrigo)
Há o tempo para matar, e tempo para sarar;
tempo para demolir, e tempo para construir;(Eclesiastes 3:3)
Espera um minuto, pensa no que farás
No meio da tormenta é duro de navegar,
E outra má decisão te pode caro custar.
Nem todo mal momento te faz fracassar, (Pe. Fábio de Melo)
Porque até para ser resiliente tem que ter perseverança,
e não é que deva acreditar no vazio,
mas saber ouvir o silêncio. (mrv.Rodrigo)
tempo para chorar, e tempo para rir;
tempo para gemer, e tempo para dançar; (Eclesiastes 3:4)
Se a cruz lhe pesa
Não é pra se entregar
mas pra se aprender amar
Como alguém que não desiste, (Pe. Fábio de Melo)
Porque devemos cultivar a sensatez,
aparar as arestas da imprudência
retomar ritmos que fazem a vida voltar a ter risadas
sem deixar de observar o movimento da energia,
procurando
não alimentar os monstros. (mrv.Rodrigo)
tempo para atirar pedras, e tempo para ajuntá-las;
tempo para dar abraços,
e tempo para apartar-se. (Eclesiastes 3:5)
Se alguém não te aceita só te fará pensar.
Que a vida está cheia de coisas a enfrentar,
Ainda assim há beleza é preciso andar
Segue adiante, sem olhar atrás,
Vive cada dia e nada mais.
E o que vier tu vencerás, (Pe. Fábio de Melo)
Porque a coisa mais interessante que temos na vida
chama-se observação, devemos observar a vida,
não simplesmente viver nela, devemos pô-la sobre
o balcão de nosso laboratório de intuições e fé,
e analisá-la,
acompanhar seu raciocínio.
Estudá-la. (mrv.Rodrigo)
Tempo para procurar, e tempo para perder;
tempo para guardar,
e tempo para jogar fora; (Eclesiastes 3:6)
A dor faz parte do cultivo desta fé
E só quem sabe o que se quer
Quem luta para conseguir ser feliz, (Pe. Fábio de Melo)
Porque precisamos desarrumar
o que parece estar arrumado,
recriar o caos e reorganizá-lo
conforme os novos planos. (mrv.Rodrigo)
tempo para rasgar, e tempo para costurar;
tempo para calar, e tempo para falar; (Eclesiastes 3:7)
Só Tu tens a chave, abres ou fecharás
Tem calma tua vida é um jogo de verdade
E aos outros não culpe por tua mediocridade
Se alguém tem falhado é bom sempre lembrar
Que também tu tens falhas
basta de chorar. (Pe. Fábio de Melo)
Porque tudo conspira em favor daqueles que estão abertos
para as novidades da vida,
nada se perde em ser atingido pela força
deste movimento chamado
Acontecimento,
então é sensato também
procurar entender quão generosa
está sendo a vida para você
no quanto ela estará se reorganizando
também por você. (mrv.Rodrigo)
tempo para amar, e tempo para odiar;
tempo para a guerra, e tempo para a paz. (Eclesiastes 3:8)
Tu és precioso, acredite ou não,
Mas o amor que é amor sempre causará dor.
E como ouro, pelo fogo vais que passar
Purificar-lo todo e o melhor de ti forjar
Ainda que chores, tu vencerás
Só aquele que perde sabe também ganhar. (Pe. Fábio de Melo)
Porque no final tudo dará certo, acredite. (mrv.Rodrigo)