Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

50% da culpa na relação é SUA!

25.05.17, Rodrih

download.jpg

Tenho recebido muitos e-mails, pelos quais agradeço a todas as mulheres que quebraram o gelo e o silêncio em si mesmas, se encorajando na confiança de expor suas experiências desastrosas nas relações com seus companheiros, cujos homens acreditaram ser eternamente maravilhosos. Só que não (SQN)! Todas, sem exceção, dizem que se encantaram o o homem maravilhoso que conheceram, o príncipe encantado, o garanhão alado que desceu do Olimpo para exaltá-las com a benção de Afrodite... tá, ninguém falou assim, mas, quero dizer, me refiro a esse lance do Olimpo - que ficou meio gay, eu sei, enfim, você entendeu. Então, onde foi que eu parei mesmo.... ah sim, tá, continuando, essas mulheres, todas, ou seja, 100% delas disseram acreditar na dádiva que ganharam como parceiros de suas vidas, só que é importante lembrar aquela frase que define a beleza, e diz assim: "Não existe o belo nem o feio, somos nós que vestimos de beleza o que julgamos belo", em outras palavras, as qualidades de um homem não está exatamente no capricho de suas chegadas, nas apresentações emocionantes. Isso é ilusão, é perfumaria, conversa pra boi dormir. Quanto mais espetacular for a chegada de um homem, menos encantos para a vida ele dará à mulher de sua conquista, o que vale a frase: "Quem casa com pão morre de fome", pois'é, então não se iludam com o começo de nada, apenas curtam e aproveitem. Costumo dizer que você tem três meses para dar no pé, chutar o pau da barraca, desmontar acampamento, picar a mula, sair fora ou ver o cara pelas costas. São três meses armada para detonar a relação, usar sua cota de "apelou, perdeu" sem medo de realmente estar perdendo o cidadão. São 90 dias seguidos em que você verá se realmente o cara aguenta firme e forte. Se ele (ou você) terá a sorte da companhia um do outro. Para essa ocasião temos a frase: "Se pensa que algo te pertence, deixe escapar. Se voltar é porque sempre foi teu, mas se não voltar, é porque nunca o foi". E se não foi, não é que tenha sido livramento, como muitos preguiçosos no amor costumam se justificar já se autossabotando nisso, mas é que você passará a ter uma vida mais liberta, porém, dada à experiência de acerto e erro com este último passará a aplicar novas estratégicas nesse período livre que se apresenta no futuro de sua vida. Ninguém fica sozinho, ou só se torna solitário por toda a vida, porque as coisas se encaixam à medida que você aprende com as pessoas que passam por sua vida. São as experiências que você acumula é que deixam seu "cartão de visitas pessoal" mais interessante e atraente. Quanto melhor reinventada você se torna, maior é a oportunidade de você atrair novas oportunidades para sua vida. Simples assim. Bom, daí que todos os e-mails vêm carregados de muito sentimento, muita decepção, dores, tristezas, angústias, baixa autoestima quase beirando a desistência, fraqueza emocional e uma depressão que parece não ser possível de voltar a ser o que era antes, ou pelo menos quando se estavam solteiras e mais atraentes, diferente da realidade atual em que se vêem gordas, flácidas, sem cores, sem brilhos, sem alegrias, sem vontade de dar a volta por cima, se reinventarem. Olha, preciso jogar limpo com vocês, e vou fazer isso sem cobrar nada. Hoje é até engraçado, porque se tem aquelas pessoas que parecem ser boazinhas, que descobrem uma fórmula para sanar um sofrimento seu, falam pra caramba, mostram textos gigantescos, vídeos de "antes" e "depois", dizendo serem seus amigos, se preocuparem com você e lá no final, lá embaixo, você vê um botão escrito: "Eu quero". Então você faz um cadastro e aparece uma conta para você pagar. Daí aparece o cara dizendo que por essa dica maravilhosa poderia cobrar muitos dinheiros, mas como sua humilde consideração pelos que sofrem cobrará apenas um dinheiro ou dois. Você até paga pela porcaria da joça que poderá te ajudar, e quando você recebe aquele PDF enorme, cheio de embromações percebe que comprou um lixo. Comigo aconteceu isso com um tal de Fábio Souza, num programa de reconstrução capilar, um lixo, uma dieta sem noção, com um monte de vídeos de "relatos" sobre a cura de calvície ou falhas de cabelos. Li 1km de texto, ouvindo aquela voz chata e irritante de um cara humilde, que parecia gostar de mim, mas no final me levou 97 reais. Então já fica a dica, não comprem, é só enrolação para você comprar outro produto importado com vitaminas revolucionárias e tal. Tudo conversa mole. Mas aqui no meu blog não tem disso. Aqui "eu mato a cobra e mostro o pau", sem enrolação, apesar que saio de vez em quando do foco da reflexão, mas.. bom, bora lá, vou continuar. Como estava dizendo, preciso jogar limpo com vocês: Todo esse sofrimento, tristeza, chateação e toda angústia que se sente, acreditem, 50%, ou seja, metade disso, ou metade desse peso é merecido e você patrocinou isso durante a relação. Não adianta, pode dizer o que você quiser, mas uma relação é construída de duas metades, que resultam em 100%. Então a metade de 100 é 50. Você não é 60, 70, 80, 90 e muito menos 100% inocente, vítima da relação não ter dado certo, do cara ter te tratado mal, de ser traída, de ser humilhada, de ser sabotada e outros ados e adas por aí. Você tem participação direta em 50% no fracasso da relação, e ele teve 50% restantes dessa porcaria toda acontecer. É como uma empresa, um relacionamento junto da outra pessoa tem seu capital social, tem sua cota de participação e neste caso, cada um entra com 50% de investimento. Se ele estiver com 60% na relação, significa que você deu 10% de sua parte e ele aproveitou a deixa. Mas ele não terá tido 60% de culpa da relação ter ficado ruim, porque você terá seus 40% + os 10% que cedeu à outra parte. A contabilidade baterá nisso sempre. Se ele tiver invadido sua vida em 95%, então ele terá acabado com a cota total dele, ou seja, 100% da cota participativa dele, e ainda feito um empréstimo ou mesmo ter feito uma consignação com seus 45%, Então você terá sempre o cálculo de 45% de autossabotagem (parte sua que deu a ele) + 5% que você tem consigo mesma e ainda não deu de todo pra ele consumir. O total será novamente 50%, restando 50% negativos dele, e verá novamente 100% resultante no final. Tudo conta, o que pode não ser valor pra você, acredite que será para ele, porque, geralmente, o homem é do contra. É o bicho infeliz de oposição. Se você não se importa que ele tenha ficado fofinho e até barrigudo, pode acreditar que ele se importará, e muito, que você tenha relaxado no quesito boa forma e peso leve. Se para você o futebol dele não incomoda, pode acreditar que para ele sua conversa afiada ao telefone o emputece demais. Então pare de se iludir de que o outro tem que nos aceitar do jeito que se é, porque isso é uma grande inverdade. Um busca no outro o que não tem em si, do contrário, não buscariam nada em você. Façam um teste, saiam da zona de conforto que vivem atualmente e foquem em cuidar do corpo, da beleza, da vaidade e da sua sensualidade. Foque nisso e vai tirando fotos de antes e depois de vocês mesmas para acompanhar e se sentirem vitoriosas. Fiquem mais bonitas, mais cheirosas, mais bem arrumadas, mais gostosas e participem de grupos de amizades online, quer seja para namoro ou só azaração. Não se envolvam com os comedores de plantão desses sites, a menos que você esteja certa que encontrou o cara ideal pra sua vida. Observem na procura que acontecerá por seu perfil, analise cada sujeito que te elogiar e suas abordagens, sejam as donas da verdade e entendam que homem para transar com vocês será apenas estalar os dedos, mas não é essa a ideia, e sim treinarem o empoderamento pessoal, aprimorarem a beleza física, sensual e tornarem a malícia como escudo de proteção de xavecos baratos. Até os ex-companheiros vão perceber suas existências no planeta. Mas não os deixem retomar a vida com vocês, permitam que também se reinventem e que promessas, vozes melosas, abordagens envolventes não são o suficiente para convencê-las de que estejam interessantes para novo investimento. Geralmente um misógino solitário não vale o investimento nem o perdão, muito menos a esperança. Então, tenham mais consciência de que 50% da culpa de não ter dado certo é de sua inteira responsabilidade, e quando tiverem numa nova relação cuidem melhor do percentual de suas partes para não perecerem, novamente, no vacilo de perder os 50% das ações de suas partes. Boa sorte e ótimos investimentos.

Rodrigo Caldeira

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.