Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

As grandes mentiras que você acredita e compartilha.

25.04.22, Rodrih

hipocrisia.jpg

Há tempos venho no rastros da hipocrisia das pessoas, que eu mesmo acreditei e segui como verdadeiras, e não só isso, também compartilhei e até ensinei sobre o raciocínio lógico para que aceitassem a mesma mentira, semeando hipocrisia e tirando das pessoas a capacidade de fluírem seus sentimentos mais autênticos, podendo ter perdido oportunidades maiores se continuassem buscando aquilo que sentiam ser o melhor para elas, porém, como também fui vítima da hipocrisia de quem me convenceu com os mesmos pensamentos e a mesma lógica, acaba que eu deveria culpar quem me ensinou a teoria da mentira, entretanto, quem me ensinou também é vítima, porque o ensinamento não veio desta anterior a mim, mas de além do além anterior a essa, se perdendo por aí, ocultando o verdadeiro pensador hipócrita e covarde. Tenho em mente que esse hipócrita possa ter sido alguém de relevante influência social, porque as pessoas só se deixam levar por quem elas respeitam e acreditam. Temos, por exemplo, as pessoas que defendem o aborto, oras, hipócritas e sujas são essas pessoas, criminosas. Suas mães não defendiam o aborto, pudera terem praticado o aborto dessas que hoje defendem a matança de inocentes. Vemos que as que hoje defendem o aborto são as deveriam ser abortadas, mas não, elas são como um predador no ninho, que nasce primeiro e se alimenta dos demais, que ainda estão por vir. É assim que se torna um hipócrita, que é aquele que teve a chance de se dar bem, de ser feliz de uma maneira, mas mina e detona o mesmo conceito de sua felicidade, a fim de que outros não consigam alcançar o mesmo resultado. A sociedade é formada por hipócritas, desde o mais famoso até o mais anônimo dos mortais. A hipocrisia está em todos e desde sempre, dificilmente deixará de existir, porque o ser humano é formado em sua consciência de hipocrisia, independente do nível que esteja praticando. E com isso identifiquei mentiras que são constantemente repassadas, para que a sociedade seja sempre um muco na Terra, que não evolui, sendo sempre um constante grude pregado no mesmo lugar. SOBRE AMAR E SER AMADO: É uma mentira esfarrapada quando dizem que você deve se amar primeiro, antes de ter alguém na sua vida, que ame você. Não existe isso, é até vergonhoso afirmar uma coisa dessas, porque se eu me preencher do amor que necessito, para que diabos vou precisar ou querer alguém para consumir desse meu amor por mim? Não faz o menor sentido, isso é uma hipocrisia sem cura. As pessoas têm necessidade de pertencimento, e não é à toa que as igrejas estão ficando cada vez mais lotadas, os empregados, citados como colaboradores, estão cada vez mais envolvidos com as empresas, os amigos com os amigos, as amigas com as amigas, os grupos homossexuais se concentrando entre si, no futebol os torcedores se identificando em seus devaneios diante da tv, a juventude dando seus rolês dentre tantos outros pertencimentos. O reconhecimento é necessário ao ser humano ou a necessidade de reconhecer. Há aqueles que precisam ser reconhecidos, e aqueles que precisam reconhecer o reconhecimento de alguém. Tudo é pertencimento e todos estão certos. Errado é dizer que você precisa se pertencer sozinho a si mesmo, antes de ter o reconhecimento de alguém, é como se dissesse que a água precisa ser água, antes que as duas moléculas de hidrogênio se juntem com uma de oxigênio. Isso é hipocrisia. Não dá para se sentir completa consigo mesma, para antes se completar com alguém, oras, se já estará completa consigo, para que diabos ela precisa se completar depois, ainda mais com alguém completo? Não faz sentido! Pessoas se completam, pessoas precisam de pessoas para se completarem. Daí aquela pessoa imbecil que defende que você precisa se amar primeiro, antes que alguém venha a amá-la está em uma dessas duas situações, ou até mesmo nas duas: Ou ela já tem alguém na vida dela e está muito feliz, mas sua vida hipócrita a faz pregar o absurdo para quem não tem ninguém e sofre por isso, ou essa pessoa é daquelas psicologicamente perturbadas, que tem um cachorro ou um gato (ou os dois e mais outros), que chama de filho, tem uma vida solitária e aparentemente feliz, mas não consegue se entregar a ninguém, porque se ama tanto, que se tornou um ser desagradável para se conseguir conviver. Hipocrisia! Para você sentir amor, se ame, mas se ame sentindo o amor de alguém por você junto. Sinta o poder do pertencimento, do reconhecimento, seja o de ser reconhecido ou de reconhecer no outro o valor que tem pra você. Deixemos de alimentar a mentira e sejamos mais verdadeiros com este conceito. Ninguém é feliz sozinho. "-Ah, mas eu saio sozinho e vou ao Pub, peço minha bebida e fico ali de boa", sim, quem diz isso é um hipócrita, e pior, é uma pessoa bem mentirosa! Oras, se é tão feliz com sua mera carcaça humana e seu réles sentimento por si mesmo, por que necessita sair para um Pub, onde tem pessoas e pertencimento? Pode muito bem comprar uma bebida, se servir dela e continuar no mesmo buraco de onde você nunca deveria ter saído, já que se ama tanto, não precisa se sentir pertencente a lugar algum, principalmente onde se têm outras pessoas, que poderão flertar e até se aproximar de você, carniça! As pessoas são mentirosas, fúteis, vazias, defendem o "você precisa se amar primeiro para que outra pessoa te ame", mas não falam a verdade, não assumem que mentem para si mesmas a ponto de não perceberem mais o quanto são vítimas de seus próprios conceitos egoísas. De fato que, muitas vezes, essas pessoas têm um distúrbio mental, que as fazem querer viver isoladas e sozinhas, são sociopatas, e para se incluírem na sociedade (pertencimento) disseminam o conceito hipócrita e mentiroso da autossuficiência no amor. Ninguém ama sozinho, nem Cristo conseguiu fazer isso! Cristo, sendo o filho enviado por Deus, o Criador, poderia ter dado um fôda-se pra geral e ficado com todo o seu amor para si e sua mãe, seu pai e alguns amigos. Mas o amor precisa ser espalhado para fazer sentido, o amor precisa de quem precisa ser amado, e todos os seus pormenores significados precisam, também, de ser dado e recebido, como a paixão, o tesão, o perdão, o desejo, a amizade, o bem-querer, o altruísmo, a bondade, a fé, enfim, tudo o que leva e eleva ao amor. Você pode ver que aquela pessoa que é amada por alguém, amada por seus filhos, seus cachorros, seus amigos, até seus empregados, tem uma vida próspera e muito boa, até ela precisa se completar de alguma maneira, nem que para isso viva uma relação extra-conjugal. E por que uma pessoa dessa faria ou faz isso? Para provar que não é se amando primeiro, que vai ser amado por alguém, porque isso é uma mentira grosseira e não consegue justificar o motivo dessa pessoa afortunada e tão amada necessite buscar fora de sua família, de sua relação amorosa por alguém que a complete, ainda que seja sexualmente. Se você se sente incompleto, muito bem, seja benvindo ao Planeta Terra, você precisa sim de alguém que acredite em você, que te dê a mão e juntos possam se sentirem pertencentes, primeiramente um ao outro. Nunca ninguém conseguirá se amar o suficiente para conseguir a oportunidade de ser amado por alguém além de si, isso é hipocrisia, é mentira e precisa ser desmascarada. Sim, você precisa de alguém para que se sinta mais preenchido, talvez mais completo, e não, você não consegue se completar sozinho. Se tem um copo com sua metade preenchida de água, por exemplo, como é que essa água vai conseguir preencher a outra metade vazia do copo, sendo ela por ela mesma? É fisicamente impossível, porque a água consegue ser ela até aquele limite, e se quiser aumentar de volume, outra parte de água deverá vir para completá-la. Ainda que seja outro líquido, como Coca-Cola, uísque, vinho, seja lá o que vier, se misturará com a água e serão uma única coisa, porém, ambos se completarão. É um raciocínio simples e óbvio, não tem segredo. Aliás, a verdade é óbvia, não tem fórmula, mas toda mentira precisa de uma fórmula ou um raciocínio para convencer. Uma vez que você entende que precisa se sentir preenchido ou completo com a presença de outra pessoa em sua vida, parabéns, você acaba de acordar de uma mentira que te contaram, e agora está enxergando o quanto você não é tão autossuficiente assim. Além disso, estará percebendo que ser completo por alguém é algo muito interessante, porque preenche a questão do pertencimento, e quem é que não quer se sentir pertencente a alguém? Sobre o hipócrita que diz que se ama tanto, que vai ao Pub pedir sua bebida, será que faria isso se fosse o único ser sobrevivente na cidade? Será que sairia de sua casa e iria para um Pub vazio, sem pessoas, e se sentaria numa mesa para aprecisar sua bebida, ali, sozinho?! É óbvio que não. Porque não haveria pertencimento, ninguém estaria ali para completá-lo, preenchê-lo de sua insignificante vida solitária. SOBRE A ATRAÇÃO PELA BELEZA: Dado este entendimento e arrancada essa máscara, vamos a outra mentira, que é sobre a beleza. Canso de ouvir pessoas belas dizerem que não se importam com a beleza. Dou risadas disso, quão hipócritas são essas pessoas, como assim? Todos buscam a beleza, não importa o quanto quem diz que isso é uma inverdade esteja afirmando sua hipocrisia para convencer os abestados. Até mesmo essa pessoa hipócrita é prova do que estou afirmando aqui. Para que diabos tal pessoa que afirma que a beleza não é tudo, não é tão importante, se arruma, toma banho, usa shampoo, sabonete perfumado, cuida das unhas, da pele ou mesmo mantém-se visivelmente agradável? É pela bela, óbvio! A mulher pinta as unhas, o cabelo, compra a roupa que julga ser bonita (aí vem o conceito do pertencimento), para ser vista e admirada no meio que se sente bem, pelas pessoas que a verem chegar. Se depila ou se raspa para ter uma aparência melhor, cuida dos dentes, escova-os, sem contar com os procedimentos estéticos etc. Se vai a um restaurante, julga o lugar pela apresentação dos alimentos, faz um prato condizente com a beleza física da comida... arroz ao lado do feijão, a carne do outro lado do arroz, salada decorando outra parte do prato, o molho, cada coisa no seu lugar, até o prato é ou se torna bonito. Não fosse a necessidade da beleza, os alimentos poderiam ser servidos das panelas pretas de alumínio, e no lugar dos pratos, cabaças ou pequenas bacias de alumínio ou plástico para misturar todo aquele alimento, já que se misturará mesmo, depois de serem comidos. As pessoas escolherm as roupas mais bonitas, o carro, a casa, os móveis, a capa do caderno. Escolhem os ambientes, as praias, cachoeiras, tudo que é mais bonito são escolhidos por todos, mas ainda existem os hipócritas que dizem que não se importam com a beleza, principalmente aquelas pessoas que, por uma sorte sacana da vida, são naturalmente mais bonitas do que a maioria. Sim, há quem veja beleza no feio, mas ainda assim está se baseando no conceito da beleza, no contraste desta. É uma grande mentira dizer que a beleza não importa, quando tudo o mais importa na constituição do que é belo para si. Seu quarto, seu guarda-roupas, seus dentes. Todos buscam a beleza, mas pregam que o bonito não é importante. Pegue uma pessoa hipócrita dessas e tome para si seu prato decorado com alimentos bem colocados, misture tudo fazendo virar mais uma lavagem do que um prato de comida humanamente apreciável, amasse os legumes, misture com a carne, esprema os ovos cozidos e misture novamente. Então devolva ao hipócrita e diga: "Sirva-se!". Veja a reação desse elemento, ficará descontente, porque a última vez que viu seu prato montado estava lindo, tudo organizado e colorido, mas aquela lavagem não condiz com seu conceito de beleza, e por isso não comerá mais. Oras, não vê beleza na mistura? O que aconteceu com a mentira que conta sobre a beleza não ser tudo? Gente falsa, que posa de inteligente, mas é tão quadrada quanto o mais tolo dos idiotas. Sim, beleza importa! Quem dá flores ou uma cesta de café-da-manhã, faz porque é bonito de ver, e quem recebe adora, porque acha lindos, tanto o ato, quanto os protutos, ou o buquê de flores. Se a beleza não é necessária assim, no lugar da cesta de café-da-manhã seja dado um saco de pão simples com manteira e mortadela, e um copo de café. No lugar das flores, seja dado um punhado de capim amarrado com capim também. A gorda sabe disso, o magrelo também sabe, o calvo sabe disso, o peludo também. O dentuço, sabe disso, o banguela também. Todos buscam a beleza de alguma maneira, ou aceitam que não conseguem melhorar, aproveitando-se da hipocrisia dos mais belos, tomando para si suas belezas, se vestindo delas para amenizarem suas feiuras. A hipocrisia está em toda parte, e não é à toa que na própria Bíblia está bem claro em Eclesiastes 1: "Vaidade das vaidades, é tudo vaidade". De fato, é tudo vaidade. Tendo essa mentira estraçalhada, vamos para a próxima, que diz que você tem o livre arbítrio. Tem mesmo? Está certo disto? Bom, sobre isso vou deixar para uma outra oportunidade, apenas quis deixar uma pulguinha atrás da sua orelha, para que pense no quão hipócrita é essa afirmação. Obrigado, de nada!

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.