Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

Surpresa versus Expectativa

17.02.16, Rodrih

surpresa x expectativa.png

 

SURPRESA VERSUS EXPECTATIVA 

Eu particularmente não gosto de surpresas, simplesmente porque são ações que surpreendem, geralmente, para além do que esperaríamos receber, gerando decepção, frustração ou aquele pensamento: "xiii tô ferrado". É terrível estar diante a pessoa que por inocência ou extrema falta de malícia vem com uma surpresa sem noção para você. E acontece de tudo o que se pode imaginar, roupas ridículas, sapatos feios, peças íntimas da era do gelo ou tão ousadas, que mais serviriam para quem estivesse fazendo filmes pornôs. Fica pior quando isso tudo acontece com platéia, testemunhas da sua pagação de mico, seu ridículo ridicularizado, e você tendo que fazer cara de paisagem para não dar na cara da pessoa tapada inocente e sair correndo. Pior é quanda a outra parte planeja um encontro íntimo de surpresa e além de você estar com a cabeça a mil, com muitas coisas para lembrar de fazer, gente pra ligar, contas para pagar, morrendo de fome e desesperadamente com vontade de ir para sua cama deliciosa dormir. Então a coisa piora quando a parte sem noção inocente se produz engraçadamente, de tal maneira que remete aos filmes de Charlin Chaplin e em preto e branco ainda. Se você rir corre o risco de perder a pessoa no sense amada - o que não seria uma má ideia - e se você não rir terá que fazer cara de político em campanha eleitoral, e suportar aquela situação que você não poderá sequer escrever no seu querido diário, só para não correr o risco de alguém ler um dia mesmo que você já tenha morrido séculos depois. Surpresas são sempre uma faca de três gumes, em que o cabo é uma lâmina também. Melhor do que uma surpresa é a expectativa, porque uma parte diz à outra o que quer fazer para ela, ambas podem otimizar a ação para melhorar o resultado. A parte presenteada saberá o que acontecerá, estará psicologicamente preparada para receber o que virá, na expectativa por tal momento. Durante o dia e várias horas poderá sorrir ao lembrar do que acontecerá, se divertirá com isso, não terá preocupações, compromissos, ligações a fazer ou contas para lembrar de pagar, porque se organizará antecipadamente para o gran finale. Tudo estará conspirando em favor de dar certo, tanto num encontro íntimo como num momento de alegria com direito a platéia. Será prazeroso o resultado, porque a expectativa será um conjunto de prazeres mentais, confortáveis e até estimulantes que acontecerão no decorrer dos dias ou das horas. Bem diferente de uma surpresa, que, se for festa surpresa, os convidados correrão o risco de tomar um tiro ou levar um porta-retratos na testa, ou a pessoa surpreendida poderá ter um ataque no coração e acabar com a alegria dos imprudentes convidados. Quando você quiser dar algo de surpresa para alguém e ficar receoso da pessoa não entender o porquê de você estragar a bendita surpresa peça para ela ler esse post no blog. Se ela discordar do que eu disse, então aproveite para surpreendê-la com algo extremamente constrangedor - só para ela ficar esperta, mas depois dê a surpresa que realmente ela possa gostar (ou não). Fica a dica.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.