Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Se trata de um diário pessoal aberto, onde as pessoas podem ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, reflexões psicológicas, sociais ou pessoais.

A vida e suas voltas - no amor

20.06.19, Rodrih
Quando eu tinha 16, você estava com 16, mas gostava de um cara de 20. Quando tive 20, você com 20 gostava de um cara de 35. Tive 35, você também 35 e gostava de um cara de 38. Aos 38 anos, você com 38 anos gostava de um cara de 43. Estou com 43, você está com 43 e aceita qualquer idade, 30, 40, 50 anos... até já sorri pra mim! Mas eu estou com uma mulher de 28 anos, que tinha 20 anos quando a gente estava com 35. A vida e suas voltas.

Misoginia versus Feminicídio

25.01.19, Rodrih
Prezado Rodrigo, bom dia O que pensar do homem misógino em relação ao número de assassinato de mulheres (feminicídio)? O que você poderia refletir, segundo suas observações? Obrigada. Fernanda Caetano a 25 de Janeiro de 2019 às 06:37   Olá, Rodrigo!  Com tantos fatos envolvendo pessoas (homens e mulheres) em misoginia, procurei algo a respeito, buscando conhecer melhor o termo misoginia. Para mim, uma coisa leva à outra (misoginia pode levar ao feminicídio). Achei muito (...)

Flash Mob x Calor Humano Social

03.11.18, Rodrih
Considere: "Houve um encontro de sociólogos, antropólogos e psicólogos em Genebra para tratar da catastrófica defasagem populacional nativa nos países europeus, principalmente os nórdicos. Os movimentos feministas em muitos destes países "desmasculinizaram" os homens, além da diminuição considerável de nascimentos de bebês nos relacionamentos heterossexuais em que estão dando preferência para pets, no lugar de ter-se 2 ou 3 filhos. Os que ainda têm filho, têm apenas 1. O (...)

O poder da traição conjugal

26.10.18, Rodrih
Esse texto é mais para os homens do que para as mulheres, muito embora seja de imenso interesse delas, já que se trata especificamente da mulher em si, da namorada, da noiva e principalmente da esposa. Para entender o contexto será necessário, primeiramente, abordar um pouco sobre a metafísica, em que é importante frisar a existência da energia que cada ser humano produz e reproduz em si, para si e para o outro, não obstante, para outros também. A energia que vamos abordar é a (...)

Misógino: Homem que reduz a mulher a nada.

05.10.18, Rodrih
E-MAIL em: Quarta-feira, 03 de outubro de 2018 10:27H   Oie bom dia Rodrigo,   Acabei de ler seu post , mas se n me engano é de 2016 , mas procurando na internet sobre o assunto de homens que maltratam mulheres achei o que vc esclareceu sobre misógino.  Venho em uma relação a 7 anos, ele 10 anos mais velho do que eu, e durante esses cansados anos, venho em uma luta sem fim, até que engravidei, meu filho já tem 3 anos e agora presencia as nossas brigas, e fala para o pai n (...)

Homens, sejam homens antes de tudo.

27.09.18, Rodrih
"Homens, sejam homens antes de tudo" significa que sejam responsáveis, honestos, inteligentes e interessantes. Homens serem homens antes de tudo não significa que ele seja macho, opressor, comedor e sacana. Que não seja irresponsável, promíscuo e infiel a qualquer pessoa (sócio, relação amorosa, na família etc). Na carta abaixo, que encontrei por acaso no facebook, é de um grupo católico apostólico romano, de uma mulher de pseudônimo #ElayneMoura (que não faço ideia quem (...)

Quando a cumplicidade acaba..

22.09.18, Rodrih
Quando a cumplicidade acaba você não tem muito o que fazer na relação que está com a pessoa querida. Quando você percebe que não há mais cumplicidade, significa que isso já aconteceu há mais tempo e você só está se dando conta agora. Quando sua relação desmorona, é porque ela já estava ruindo há semanas e você não percebeu porque estava com medo de enxergar a verdade dos fatos, que se percebe bem no comportamento de enfrentamento da outra parte nas pequenas coisas que (...)

A VIDA ALHEIA – Porque ela é mais interessante que a sua

21.08.18, Rodrih
Post redigido no Sábado em 10 de maio de 2014 por Randerson Figueiredo, gentilmente autorizado pelo autor em 16.08.18, sob a referência: http://bit.ly/AVIDAALHEIA-POR-RANDERSONFIGUEIREDO   Saber lidar com situações desagradáveis não é nada fácil quando se está em questão a nossa vida. A vida alheia é um prato cheio para os desocupados de plantão, ô se é hein? Principalmente quando essa vida é (...)

Por que tenho curiosidade?

08.04.18, Rodrih
  Umas das coisas que mais me intrigou durante muitos anos foi a tal curiosidade que eu tinha, mas que muitas pessoas ao meu redor não tinham. Me sentia um extraterrestre, o patinho feio, porque eu parava para observá-las e nem tchum, nada, simplesmente tocavam suas vidas pré-programadas sem questionar, refletir, perguntar ou curiar alguma coisa. Isso me incomodava muito, porque quanto mais eu curiava, quanto mais eu buscava saber de coisas que não estavam nas páginas dos livros - (...)

Fechando o ano, abrindo a mente

19.12.17, Rodrih
2017 foi um ano cansativo, tumultuado, cheio de acontecimentos atípicos ou, muitas vezes, repetitivos. I will survive!!! Todos nós sobrevivemos! Hoje são 19/12 e faço o fechamento de minha conta deste ano. Comecei sozinho e estou terminando sozinho, muito embora venho observando o momento certo para permitir que alguém faça parte de minha vida como eu preciso que seja, mas isso também ficará para o futuro. Uma das coisas que aprendi em 2017 foi com a liberdade em suas duas (...)