Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Desde 2008 - 716.000 visualizações em todo o mundo. Diário pessoal aberto, onde se pode ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, vislumbrar reflexões psicológicas, sociais e até pessoais.

http://blogdorodrigocaldeira.blogs.sapo.pt

Desde 2008 - 716.000 visualizações em todo o mundo. Diário pessoal aberto, onde se pode ler experiências pessoais de vida, de relacionamentos, vislumbrar reflexões psicológicas, sociais e até pessoais.

Mapa e guia de sobrevivência do namoro online.

09.02.24, Rodrigo Caldeira
Guia para os homens No começo, entrei a primeira vez num site de relacionamento, para realmente encontrar alguém com quem eu pudesse me relacionar. Mas tudo começou pela rede social "Gente de Fé", promovido pela comunidade católica "Canção Nova". Nele conheci uma garota, com quem tive intensa conexão e imensa paixão a uma distância de 1.500km, cerca de 14 horas de viagem de carro. Foi a primeira experiência, e quase única, sobre o que é uma paixão de verdade, com (...)

Alheio

09.01.18, Rodrigo Caldeira
Imagem retirada da internet Acabei de ver uma série de fotos e vídeos de um casal da polícia, em que ao invés de me sentir tentado ante à beleza estonteante da moça, fiquei, na verdade, constrangido pelo casal. Não é bem tomar as dores dos outros, mas é me sentir parte de um meio de malfeitores, invasores do alheio, da vida alheia, da vida íntima de alguém que não me convém. Enquanto via a intimidade do casal, uma parte de mim se preocupava com a invasão de privacidade, da (...)

Samsung NUNCA mais

24.10.17, Rodrigo Caldeira
Desde que fui inventar de trocar de celular, um A5/2016 por um A7/2017, devolvendo uma diferença de quase dois mil reais na própria loja Samsung, aprendi muitas coisas com essa aventura. A primeira, e que é a mais forte de todas, se trata do entendimento que estar dentro de uma loja oficial da Samsung, ou estar debaixo de uma lona de banca de feira, o risco de você receber um aparelho defeituoso é o mesmo. A diferença estará no atendimento, pois o vendedor da banca será mais (...)

Fé Midiconsumista

14.04.17, Rodrigo Caldeira
Vivemos tempos de cansaço da Fé tradicional, invadidos pelas crenças universais, pelos filmes com imagens incríveis e surreais em que aponta-se para a visualização a olho nu (ou com óculos 3D) de um mundo imaginário fantástico de fadas, duendes, dragões, magias, espíritos e toda fantasia antes impossível de ver, só de imaginar. Não estamos na era de Peixes nem de Aquário, mas na era do imaginário coletivo, em que a fé se respalda nas maravilhas criadas pelo próprio (...)

Entulho Emocional

12.10.16, Rodrigo Caldeira
Havia recebido um e-mail de uma moça muito comunicativa, advogada, que havia se encantado com os posts sobre homens misóginos no meu blog. Ela relatava a agressão física e moral que recebera de seu então esposo. Foi a gota d´água para que ela parasse de continuar cega para uma grande verdade: Ela havia sido eleita para se envolver com um (...)

Deus não, mas a TV realiza.

17.06.16, Rodrigo Caldeira
Estava assistindo a uma entrevista com o roteirista e ator Pedro Cardoso, pessoa a quem eu nutria generosa antipatia, por sempre vê-lo como o Pudor em pessoa. Foi no programa do simpaticíssimo antipático Danilo Gentili, a quem tenho admiração e antipatia fusionada, talvez porque ele seja o meu reflexo e ao mesmo tempo o melhor do que eu poderia ser e não fui por não tentar. Fiquei estasiado com Pedro Cardoso, encantado com sua perspicácia e senso crítico, portador de uma (...)

Homens astronautas

01.03.16, Rodrigo Caldeira
Em todas as relações os homens têm que passar pela insuportável experiência de um DR (discutir a relação) com uma mulher. É um inferno, algo que não foi feito para o ser humano masculino, o homem, cabra macho. Não há homem nesse planeta que vê com bons olhos uma mulher sendo dramática, fazendo das tripas coração, vomitando tudo o que ela imagina que exista, materializando fantasmas, desenterrando defuntos e alimentando zumbis. A mulher dramática é um pé-no-saco, consegue (...)

HOMENS: Brochar dá pra evitar... (ou não) [Atualizado]

07.08.13, Rodrigo Caldeira
    Sexo bom é sexo feito com carinho e muita cumplicidade. Se você é um cara do tipo pensador, crítico e reflexivo como eu, não leve a mulher que você ainda vai conhecer para o motel. Você irá brochar, pode acreditar. Se você está acostumado a ter seus momentos de tesão com um tipo de mulher (alta, baixa, branca, negra, fofinha ou magrinha, inteligente ou avoada), não mude de repente, porque você irá brochar também. Se ainda assim você dormiu pouco na noite anterior, fez (...)